terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Cuidados com o seu Tênis de Corrida


Old Nike Shoes
Mano, acho que já está na hora de trocar o seu tênis, não?

OK, você decidiu comprar O TÊNIS pra iniciar no mundo da corrida. OU, você já corre há anos e já conhece tudo o que precisar fazer pra correr. E... seu tênis (sim, aquele que te acompanha pra todo lado, toda pista e toda prova que você vai) vai ficando cada vez mais desgastado. Você quer aumentar a vida útil dele, mas não faz idéia de como isso pode ser feito. Então você encontrou o post certo pra tirar essas dúvidas.


Quase sempre o tênis de corrida é o investimento mais caro para um corredor de rua. Os preços variam desde R$159,00 até R$799,00 aqui no Brasil. Lá fora é certo que você consegue comprar bons modelos entre USD50,0 até USD200,00. Infelizmente o imposto sobre o tênis no Brasil é um dos mais absurdos do mundo, assim com vários outros itens. Então, quando você escolhe um bom tênis e "assina" o seu compromisso de tê-lo aos seus pés pelos próximos anos, é de se esperar que você também vai cuidá-lo e amá-lo até que a morte (ou o desgaste nesse caso) os separem.
Pois bem, antes de tudo, é bom lembrar quem um tênis para a corrida é um TÊNIS DE CORRIDA. Muitas pessoas por acharem ele mais confortável acabam usando-o para outras atividades durante o dia a dia, como trabalhar, estudar, passear com o cachorro ou a namorada. ISSO ESTÁ ERRADO! Não, pera! Não são essas atividades que estão erradas :P , é o uso que você faz do seu tênis de corrida que não está certo. O amortecimento dos tênis de corrida são feitos para responder rápido aos impactos. Normalmente tênis de corrida perdem seu amortecimento entre 450 e 950 quilômetros percorridos, para prevenir lesões é recomendado trocá-los após atingir esta distância. Quando seus tênis começarem a ficar desgastados na parte do calcanhar é um sinal de que está na hora de trocar seus tênis.
Quando você utiliza o tênis para uma atividade que não seja corrida, você está "estacionando" todo peso do seu corpo sobre o amortecimento, como se estivesse pressionando toda a tecnologia contra o solo. Desse modo, sem você perceber, toda a tecnologia do amortecimento do seu tênis vai pro brejo, e você nem se deu conta do porquê.
Algumas dicas:

A primeira dica é: Tênis de corrida foi feito para correr

Eu costumo realmente separar os tênis da corrida dos demais tênis. Eu uso um tênis casual para dirigir quando vou a um treino ou quando vou para uma prova, e levo o tênis de corrida dentro da Gym Sack que muitas provas dão pra gente (aquela "sacolinha", manja?), com no exemplo abaixo:
Feito isso, quando chego no local da prova, aí sim calço o tênis para correr. Seja de qualquer forma que você for ao evento (carro, bike, transporte público, jegue) você tem condições de levar o par de tênis em uma sacola para a prova e ir usando um outro mais velhinho até chegar no evento. Tanto para a ida como para a volta. Você pode achar besteira, mas imagine quando você vai fazer uma prova, e depois a turma se reúne em um bar ou em um churras ou outro lugar, e você acaba indo com o seu tênis que investiu uma boa grana pra derrubarem cerveja nele?
Então a dica é: Leve o seu tênis de corrida sem calçá-lo, e só use-o quando estiver na área da prova/treino. Nas provas você dispõe de um guarda volumes (você paga por ele), não hesite em deixar o par de calçado lá se não quiser voltar até o carro ou ter que deixar com os amigos.

Gym Sack, sacolinha, etc. Tudo serve pra guardar o seu tênis de corrida. Sem desculpas que não tem onde levar!
Gym sack - Tão 1001 utilidades quanto o Bombril

A segunda dica é: Tenha ao menos dois pares de tênis.

Sabemos que o preço não é tão acessível. Grande parte dos tênis custam mais de R$400,00, mas seu uso intenso e prolongado diminui a vida útil. O ideal, não só para o tênis, como para tudo na vida, é alterar a utilização. 
Veja um exemplo: 
Você faz três treinos semanais: Terça, Quinta, Sábado. Com um único tênis, você vai utilizá-lo todos os dias da semana, vamos supor que você utilize-o durante um ano inteiro (o ano é composto 52 semanas). Ao término de 1 ano você saiu (só saiu, não estou nem contando os KM's rodados) com ele 156 vezes!!! Agora vamos supor que você tenha dois pares: no mesmo período cada par foi utilizado apenas 78 vezes! Menos da metade do uso com apenas um par. Nessa situação hipotética qual dois tênis vão durar mais? A resposta está bem clara no exemplo.
E não é só o desgaste. Toda vez que você utiliza o tênis, o suor dos pés acaba ficando no tecido. Quando mais tempo você der para que o seu tênis possa "respirar" em um ambiente arejado e limpo melhor. Higiene é fundamental.

A terceira dica é: Não lave o seu tênis

Sempre que vejo alguém enxaguando um tênis de corrida eu falo: CÊ É LOUCO??? Investir uma baita grana, e depois mergulhar toda essa tecnologia com OMO e água no tanque é completamente errado. Corredores de trilhas e outras provas mais roots tem tênis diferenciados e com outras necessidades. Nesses casos acima estamos falando dos corredores de rua que transitam pelo asfalto, que é quase plano, e não tem barro nem terra/matagal por aí. Sempre nas etiquetas você vai encontrar a seguinte informação (Neste caso, a etiqueta é de um tênis da Mizuno:

Instruções de manuseio dos tênis da Mizuno
  • Nenhum dos sapatos da gama Mizuno são apropriados para lavar na máquina. Isto poderá destruir ou danificar as fibras técnicas utilizadas nos sapatos.
  • Os seus sapatos deverão ser limpos e conservados com regularidade. Na generalidade, isto poderá ser feito lavando à mão com água e sabão. Contudo, não deverá utilizar pó ou detergente quimicamente melhorado.
  • Não faça secar forçada ou artificialmente os seus sapatos. Isto poderá danificar ou destruir o material ou a substância utilizada na produção.
  • Deverá inspecionar com regularidade os seus sapatos para se assegurar de que os componentes necessários ainda estão apropriados para o desempenho, pois as solas intermédias ou externas poderão causar ferimentos.
Viu que existe a possibilidade de ser lavado, né? mas é uma generalidade, no caso de você ter literalmente enfiado o pé na jaca! rs.
O que eu faço:
Utilizo uma daquelas buchas 3M de louça mesmo. Umedeço-a e limpo as áreas da entressola e a sola do tênis. Limpando lateralmente e consigo retirar todos os rastros de terra e pedras indesejadas. Às vezes as soluções mas eficientes são encontradas nas coisas mais simples que temos.

Bucha de lavar louça: Útil para lavar seu tênis de corrida
Utilize o lado verde da esponja/bucha para limpar a parte externa do tênis

Ok, mas e a limpeza interna? Não vai jogar 1 litro de OMO Multi-ação pra desinfetar a bagaça?
Raaaaaaaá! Yé Yé!!!! É aí que o serginho malandro entra! 

Malandro é o Serginho que cuida dos seus tênis de corrida. Rá!
OPS!

É o seguinte: Já ouviram falar em formol? Sim, formol! Não, não é aquele que as mulheres usam pra ficarem lindas e seu cabelos lisíssimos... na verdade é o mesmo produto, mas em níveis diferentes.

Cuide da saúde dos seus pés: Fungos e bactérias proliferam-se com o uso intenso do mesmo tênis de corrida
Aí não, né? Cuide dos pés, são eles que te carregam por aí

Tem um produto bacana que vende em qualquer mercado ou drograria/Farmácia que se chama Lisoform.
Essa belezinha é eficaz contra a ação de  fungos que causam o mofo e bactérias. Conheci esse produto em uma consulta de rotina com a doutora Paula S. I. Mattos, Dermatologista que me deu a dica para utilizar nos sapatos que utilizo para o trabalho. Elimina fungos, bactérias e maus odores. Quanto à aplicação, faça-o somente por dentro do tênis, deixe agir por 10 minutos antes de calçar. Dessa forma você higieniza corretamente o seu pisante entre treino/corrida e outro.

O meu Asics Numbus 14 já tem 1 ano e meio de uso. O Lysoform tá aí do lado
O meu Asics aí da foto já tem 1 ano e meio de uso (o_0)

Cuidados com o seu tênis de corrida: Aplique o Lysoform somente na parte interna do tênis e deixe agindo por 10 minutos antes de utilizar
Lysoform: Aplique SOMENTE nas partes internas do tênis

Portanto não jogue água com sabão no seu tênis achando que vai higienizá-lo. O correto é fazer a limpeza externa com uma bucha com água (e um pouco de sabão, se achar necessário) e internamente use Lysoform para exterminar fungos e bactérias

Com essas dicas você garante um pouquinho mais de vida para o seu tênis e vive feliz como o garoto da pintura abaixo:

Jane Bucci 2011 - Fine Art America - Shoes

Bons treinos!

Nenhum comentário: